Eventos

Hackathon com o tema ?Agricultura Digital? busca soluções para melhorar a gestão a vista do agricultor e suas máquinas

Evento promovido pela Jacto será realizado na UNIVEM (Centro Universitário Eurípedes de Marília) nos dias 28 e 29 de março


Evento promovido pela Jacto será realizado na UNIVEM (Centro Universitário Eurípedes de Marília) nos dias 28 e 29 de março e incentiva estudantes cursando ensino superior na área de tecnologia da informação, ciências de dados e engenharia a criarem soluções em tecnologia com foco em inteligência artificial, machine learning e analytics para melhorar as ferramentas de gestão à vista das operações agrícolas, ajudando o agricultor a alcançar a excelência operacional.

A evolução na agricultura pautada pelas tecnologias cada vez mais digitais vem revolucionando o setor. Há cada vez mais equipamentos, defensivos e outros recursos que aumentam a produtividade e a qualidade dos alimentos.

Manter-se atualizado nesse cenário é indispensável. É importante o esforço para disponibilizar tecnologias acessíveis, do pequeno ao grande produtor, e que tenham uma usabilidade mais fácil, tornando a rotina do produtor rural mais prática, eficiente e com resultados.

Com esse cenário em mente, a Jacto, multinacional brasileira com presença em 112 países, especialista em desenvolver soluções para o agronegócio, realiza nos dias 28 e 29 de março o Hackathon Jacto 2020. O evento, uma maratona de programação, incentiva estudantes cursando ensino superior na área de tecnologia da informação, ciências de dados e engenharia de Marília e região a criarem soluções em tecnologia com foco em inteligência artificial, machine learning e analytics para melhorar a gestão à vista do agricultor e suas máquinas.

"A gestão à vista das máquinas é de grande importância para nossos clientes, os agricultores. Informações como área pulverizada, área sobreposta, desempenho operacional, eficiência operacional, velocidade de aplicação, tempo de paradas, tempo em transporte, são cruciais para conhecer a operação. Temos como lema que é preciso medir para conhecer, conhecer para controlar e controlar para alcançar a excelência operacional", explica Cristiano Pontelli, gerente de negócios Otmis, marca da Jacto para Agricultura de Precisão.

O objetivo do desafio será personificar a máquina, criando um bot, permitindo uma comunicação interativa e proativa com o cliente e outros agentes através de um chat por texto.  "Acreditamos que é preciso mudar todo ecossistema, com aprendizados e experiências coletivas, pessoas protagonistas, que vão assumir o papel de traduzir essas novas ferramentas para o dia a dia do campo. Transformar a tecnologia, que é muito complexa e com avanço rápido, em algo que seja simples e o que agricultor consiga usar", explica Fernando Gonçalves, presidente da Jacto.

Inscrições e premiação - As inscrições podem ser feitas até o dia 20 de março.
Para se inscrever, o participante deve, necessariamente, descrever um breve currículo para fins de aprovação da inscrição por parte da organizadora.

O processo de inscrição é individual. Caso o participante tenha uma equipe já formada, basta indicar no formulário informando o nome da sua equipe. É permitido no máximo 3 integrantes por equipe.

Caso o participante não tenha uma equipe, a organização irá ajudar a compor um time com outros participantes. As vagas estão limitadas a 60 participantes.

Serão permitidas equipes formadas por no mínimo 2 e no máximo 3 participantes. Serão premiadas as três melhores soluções escolhidas por uma comissão avaliadora. A primeira colocada recebe R$ 3 mil reais, a segunda, R$2 mil reais e a terceira, R$ 1 mil reais.

O regulamento completo e o link para as inscrições estão disponíveis em  http://bit.ly/hackathonjacto2020

Serviço:
Hackathon Jacto 2020
DATA: 28, 9h às 21h e 29 de março, 9H às 17h
LOCAL: UNIVEM, Salão Nobre
INSCRIÇÕES ATÉ 20 de março pelo site:  http://bit.ly/hackathonjacto2020

Comments