Eventos

Curso Técnico em Fruticultura do Senar/SC inicia nesta quinta-feira, em São Joaquim

Curso de Fruticultura capacitará produtores e trabalhadores rurais de São Joaquim


A rede de formação técnica e-Tec do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Santa Catarina (Senar/SC), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), lança em parceria com o Sindicato do Produtor Rural de São Joaquim, nesta quinta-feira, dia 8, às 19 horas, a primeira turma do curso Técnico em Fruticultura, em São Joaquim.

Segundo a coordenadora do curso do Senar/SC, Katia Zanela, a capacitação tem duração de dois anos e meio, com 1.350 horas, 70% delas on-line e 30% presenciais. No curso, os produtores e trabalhadores rurais desenvolvem habilidades para executar, planejar e controlar todo o processo produtivo de plantas frutíferas. "O projeto educacional contempla recursos tecnológicos e midiáticos com aulas virtuais integradas às atividades presenciais. Trata-se de um modelo que dialoga com as características dos produtores e trabalhadores rurais".

Na visão do presidente do Sindicato Rural de São Joaquim e vice-presidente de finanças da Faesc, Marcos Antônio Pagani de Souza, a qualificação é fundamental para a região que tem 80% da economia voltada à Fruticultura. "São Joaquim é o maior produtor de maçã do Brasil e a cadeia frutífera é a base econômica de toda a região serrana. Por isso, a iniciativa é essencial para aprimorar o conhecimento dos produtores e formar técnicos para atuarem aqui", observa.

Para o superintendente do Senar/SC, Gilmar Zanluchi, além da execução das atividades específicas da cadeia, o curso qualifica produtores rurais para atuarem na administração das propriedades. "É um curso técnico diferenciado, voltado ao empreendedorismo, além de uma oportunidade para buscar maior qualificação e melhorar produtividade e renda", ressalta.

O presidente do sistema Faesc/Senar, José Zeferino Pedrozo, ressalta o sucesso da iniciativa no município considerado destaque em Fruticultura no Estado e no País. "Abrimos 30 vagas nesta primeira turma, mas recebemos quase 150 inscrições. Isso é muito significativo, pois demonstra o quanto nossos produtores rurais estão interessados em aperfeiçoar suas habilidades e aumentar a qualidade e a produtividade de suas propriedades".

A abertura do curso terá a participação do presidente do Sindicato Rural de São Joaquim e vice-presidente de finanças da Faesc, Marcos Antônio Pagani de Souza, e do presidente da Faesc, José Zeferino Pedrozo. *MB Comunicação Empresarial/Organizacional - Jornalista Marcos A. Bedin 

Comments

SEE ALSO ...