tecnologia

Símbolo do Vale do São Francisco, Ponte Presidente Dutra completa 70 anos unindo Petrolina e Juazeiro

Ela foi inaugurada no dia 16 de junho de 1954, e cerca de 40 mil veículos cruzam os 801 metros da ponte. O equipamento fica sobre o Rio São Francisco e serve como trecho da BR-407


Um símbolo do norte da Bahia completa 70 anos neste domingo (16): a Ponte Presidente Dutra, que liga a cidade de Juazeiro a Petrolina, em Pernambuco. O equipamento é um dos pontos turísticos mais conhecidos do Vale do São Francisco.

Ela foi inaugurada no dia 16 de junho de 1954, e cerca de 40 mil veículos cruzam os 801 metros da ponte. O equipamento fica sobre o Rio São Francisco e serve como trecho da BR-407.

Logo após a inauguração, o fluxo de veículos era menor e até um trem que vinha de Salvador passava por ali. "Carro era muito pouco. Passava o trem, que vinha de Salvador transportando passageiros e combustível, o ônibus e pouquíssimos carros. O movimento era pouco", recorda o jornalista Luiz Manoel Guimarães, 76 anos, que acompanhou o movimento da ponte desde a infância.

A ponte começou a ser planejada e construída na década 1940 e carrega o nome do presidente que autorizou o início das obras, general Eurico Gaspar Dutra. Antes dela, os produtos eram transportados apenas por navegação.

"A navegação era bonita e tudo, mas gastava muito dinheiro e era mais lento, o trem também. Então, a rodovia era mais rápida e favorecia os interesses do governo", explica a historiadora e diretora do Museu Regional do São Francisco, Rosy Costa.

Ponte Presidente em construção entre BA e PE - Brasil Constrói (RJ) 1948-1960. Acervo da Biblioteca Nacional

O equipamento foi o segundo no país a utilizar concreto protendido, tecnologia que utiliza volume menor de concreto, reduzindo o peso da estrutura e consegue ser implementada em terrenos mais difíceis, como um rio. A obra foi executada por um consórcio entre duas empresas, a Estacas Franki Ltda, brasileira de origem belga, e a francesa Entreprises Campenon Bernard. O engenheiro francês Eugène Freyssinet foi o responsável pelo projeto*Alô, Alô Bahia/Com informações do g1 - 16/06/2024.

Comments