tecnologia

1º dia The Brazil Conference

Dados do setor FFLV, tendências globais de consumo e plano de governo


Começou em São Paulo, a The Brazil Conference & Expo, feira internacional da indústria de frutas, flores, legumes e verduras (FFLV), que reúne 120 marcas e mais de 1000 profissionais do setor, que debateu no primeiro dia o desafio de aumentar o consumo de produtos frescos, como aproveitar as tendências globais de consumo e o plano de governo que incentiva pequenos e médios produtores.

O Secretário de Agricultura e Abastecimento do estado de São Paulo, Antônio Julio Junqueira de Queiroz se diz otimista com a feira: "Esse evento é maravilhoso, porque os produtores de São Paulo e do Brasil são muito competentes. São Paulo, além de ser um grande produtor de frutas, é um grande consumidor. Estamos falando de produtos de alta qualidade que vêm para melhorar a vida das pessoas, estamos falando de saúde, de combate à obesidade. O que eu vi no The Brazil Conference & Expo me enche os olhos, precisamos divulgar para as pessoas o que vocês estão fazendo, valorizar a rastreabilidade, investir em campanhas de sazonalidade no varejo, precisamos fazer com que os alimentos saudáveis cheguem à mesa das pessoas", finaliza o Secretário.

O panorama mundial da indústria de frutas, flores, legumes e verduras foi tema da palestra de Miriam Wolk, diretora de Associados da IFPA, entidade que representa o setor. Ela apresentou pesquisas internacionais para os membros da IFPA no Brasil e explicou a situação da indústria e o impacto nos negócios.

"Este é um momento desafiador para os produtores em todo o mundo. A IFPA está posicionada de forma única para apoiar as necessidades específicas dos produtores, bem como garantir que eles estejam conectados ao resto da indústria. Nosso objetivo é aumentar a influência no mundo, garantir que programas e recursos apoiem globalmente os associados, os ajudem a enfrentar desafios de sustentabilidade e que os consumidores aumentem o consumo de produtos frescos.", pontua Miriam Wolk.

Já Rodrigo Mattos, analista de Pesquisa Sênior da Euromonitor, mostrou resultado de pesquisa sobre as "10 principais tendências globais de consumo para 2023" e explicou como é possível aumentar a competitividade e as vendas através da identificação de tendências, impulsionamento de soluções criativas e efetivas para este mercado.

"Podemos dividir o consumidor em três categorias: "budgeteers", consumidores que estão reduzindo o consumo por causa da necessidade de economizar; "here and now", que se importam com o valor agregado do produto, o consumidor que quer comodidade, usar o tempo de forma inteligente e mais intuitiva, que percebem que fazem compras por impulso, mas que isso é justificado pelo impacto da experiência; e "eco-economic", aqueles que cortam gastos com viés de economizar dinheiro e serem mais sustentáveis. O novo consumidor da Geração Z tem valores mais engajados, buscam não comprar tipos de materiais que agridam o meio ambiente", explica Rodrigo Mattos.

Para 2024, o mercado está cada vez mais sensível às mudanças e ansioso pelos consumidores que estão mais astutos na questão da compra. "Seremos humanos, progressivos e corajosos para elevar o setor", finaliza Miriam Wolk.

The Brazil Conference & Expo vai até amanhã, 23 de agosto, receberá, às 9h30, o presidente do Instituto Foodservice Brasil (e presidente do Mc Donald's), Rogério Barreira e a vice-presidente do IFB, Ingrid Devisate com o tema: "FLV & Food Service - o Match Perfeito" e às 10h, o ex-técnico de Vôlei da Seleção Brasileira, Bernardinho, que vai ministrar palestra motivacional com o tema: "Excelência: Conquista e Sustentabilidade - Superação em Tempos de Crise".

*Vera Moreira/Assessora de Imprensa/Fotos: JPlay  - [email protected] 

Comments